fc

20 de agosto de 2018

Gelado caseiro em 5 passos

Se antes via o canal 24Kitchen, agora vejo ainda mais. No mês passado tive a felicidade de deparar-me com uns episódios deliciosos de "Marry Berry's Foolproof cooking". Deliciosos por vários motivos: pela própria Marry Berry, pela sua experiência e idade, pelo seu humor fino e, claro, pelas suas receitas. 

E o que me encheu o olho no episódio 4? Um gelado caseiro, fácil, fácil. Pensei: "Eu tenho de fazer isto!" E fiz mesmo.




Assim, contado num ápice:

1. Bate-se 600 ml de natas com a batedeira elétrica até formar uns picos. 
2. Depois junta-se uma lata pequena de leite condensado e envolve-se com a ajuda de um raspa Salazar.
3. A este preparado pode-se adicionar pepitas de chocolate, frutos secos, frutos vermelhos... Eu juntei 200 g de chocolate com avelãs inteiras em pedaços pequenos (usei a Bimby para isso).
4. Verter para uma forma de bolo inglês forrada com película aderente e levar ao congelador durante 6 horas ou a noite toda (este foi de um dia para o outro).
5. Desenformar e pode-se enfeitar a gosto (passei este último passo).



É DE BA-BAR!




Com este calor há algo melhor para ter em casa?
Deliciem-se!
Ana

Da Nossa Cozinha

14 de agosto de 2018

Querido, podes comprar cá para casa #1

Estar mais por casa [o motivo é este] dá nisto... Querer gastar dinheiro investir em utensílios para a cozinha! Mas tem tudo uma explicação:

1) No verão apetece comer mais saladas. E, como estou cá com umas ideias, gostava mesmo de ter este cortador de legumes (querido, a cor é indiferente):

Borner V5 (preço aqui).


2) A nossa tábua precisa de ser substituída:

Tábua de cortar LEGITIM da IKEA (preço aqui).


3) Anda aí um "sururu" no Instagram a dizer-se maravilhas destas caixas, que conservam a frescura dos vegetais mais tempo. E isto do desperdício dá que pensar... 


Tupperware Ventsmart 4.4l (preço aqui).


4) Vá, esta é a última coisa que peço. Aparece em vários programas do 24Kitchen e embora eu não tenha qualquer pretensão a Chef acho que não nos fazia mal ter um em casa. Prometo que já tenho pelo menos duas receitas para utilizá-lo:

Termómetro digital PRESTO (compra-se aqui).


E, sim, respondendo à pergunta que me fazes sempre: tenho lugar para arrumar tudo! ;)

Beijos,
Ana

Da Nossa Cozinha

23 de março de 2018

Bolo de maçã rico em fibras

A vida dá muitas voltas e por aqui foram muitas desde o último post... Já estou para vir ter convosco há bastante tempo, mas, por um motivo ou por outro (daqueles fortes), tem sido adiado. 

Até que hoje, num dia frio e chuvoso de primavera, trago-vos um dos últimos bolos-sensação cá de casa. A receita foi-me dada por uma amiga "bimbólica", a Paula, e garanto-vos que vão adorar. A massa deste bolo é feita na Bimby, mas podem utilizar um processador. Digamos que o vosso maior trabalho será descascar e cortar 3 maçãs aos quadradinhos. Convenci-vos? 





Bolo de maçã 

Ingredientes: 
3 maçãs
2 chávenas* de açúcar
3 ovos
2/3 chávena** de óleo
2 chávenas de farinha
1 colher de chá de fermento


* 1 chávena = 1 cup = 240 ml
** 1/3 de chávena (ou cup) = 80 ml


Com esta receita usei pela primeira vez as minhas taças medidoras - estou fã!

Preparação:

Forrar o fundo (amovível) de uma forma redonda com papel vegetal e reservar.

Lavar e descascar 3 maçãs (4 se forem para o pequenas): guardar as cascas à parte e cortar as maçãs em quadradinhos. Reservar.

Colocar no copo da Bimby o açúcar, os ovos o óleo e as cascas das maçãs e programar 5 seg/vel 10.

Introduzir a borboleta, juntar a farinha e o fermento e programar 30 seg/vel 3. 

Verter a massa para a forma, colocar a maçã por cima e levar ao forno a 190º C durante 35-40 minutos (fazer o teste do palito).





Um beijinho!
Ana

Da Nossa Cozinha

5 de setembro de 2017

Rolo de fritatta... que é um Primor!

Sabe bem colocar na mesa uma entrada diferente e ainda sabe melhor saboreá-la. Às vezes apetece-nos algo que fuja ao habitual, mas nem sempre é fácil satisfazer este desejo no meio da rotina do dia-a-dia. Hoje apresento-vos um Rolo de Fritatta simples de fazer e que faz um sucesso tanto como entrada como refeição ligeira, quando acompanhado por uma salada ou sopa. 




Rolo de fritatta 


Ingredientes: 

6 ovos
3 colheres de sopa de queijo ralado
Sal q.b.
Queijo fresco para barrar q.b. 
Bacon de peru fatias extrafinas Primor q.b.
Azeitonas verdes descaroçadas e cortadas q.b.
Fiambre Peito de peru forno de lenha Primor






Preparação:

Colocar no fundo de um tabuleiro (cerca de 20 x 30 cm) papel vegetal e reservar.

Mexer 6 ovos com uma pitada de sal e envolver o queijo ralado. Verter para o tabuleiro e levá-lo ao forno a 180º C durante 10 a 15 minutos, até a omelete estar cozinhada.

Retirar do forno e deixar arrefecer um pouco e desenformar para cima de uma folha de papel vegetal. Barrar o centro com o queijo fresco (retirar do frigorífico uns 15 minutos antes para ser mais fácil) e "forrar" a fritatta com tiras extrafinas de bacon de peru. Colocar por cima as azeitonas verdes e finalizar com as fatias de fiambre. Enrolar com a ajuda do papel vegetal e levar ao frigorífico pelo menos 2 horas (esta ficou de um dia para o outro).

Depois retirar cuidadosamente o papel vegetal e fatiar.


Posso dizer-vos que é muito bom e que não sei se é da hora, mas já comia uma fatia ou duas! Não sei se já conhecem os produtos Primor utilizados nesta receita, mas é uma boa oportunidade para o fazerem, já que a conjugação do bacon de peru com o fiambre é deliciosa.



Boa semana!
Ana

Da Nossa Cozinha

9 de agosto de 2017

Bolo de Canela e um desejo

Sabem quando provam algo tão bom que não vos sai da cabeça? Aconteceu isso com o Henrique: comeu bolo de canela há uns tempos e desde então que andava de "desejo". E andou assim largas semanas... No regresso das férias, um dia deparo-me com o seguinte reminder na cozinha:



Irresistível... Não é? Não passou desse dia.

A receita foi-me dada por uma amiga e fez as delícias do meu rapazote. A massa antes de ir ao forno não me convenceu e estive prestes a fazer alterações, mas contive-me (e ainda bem porque o bolo saiu muito bem). 

Vou deixar-vos a receita, dada por uma amiga, que retirou de um livro com mais de duas décadas. O título do livro põe-me à beira de um ataque de nervos. Olhem-me para esta "pérola": A Mulher na Sala e na Cozinha. Foquemo-nos na receita e passemos à frente, que estamos em 2017.


"Bolo de canela

Batem-se muito bem 250 gramas de açúcar com 2 ovos inteiros, juntando-lhe uma colher de sopa de manteiga derretida, uma colherzinha de fermento e uma colher de sopa de canela.

Continua-se batendo, junta-se um decilitro de leite, e a seguir e aos poucos, 250 gramas de farinha.


Vai a cozer ao forno em forma untada de manteiga."


Segui a receita à risca, reduzindo o açúcar (como é habitual aqui pela nossa cozinha).

 









Continuação de boa semana!
Ana

Da Nossa Cozinha

24 de julho de 2017

Countdown: "Cozinha com Twist" de Filipa Gomes! Hoje às 21h00 no 24Kitchen

Parece que foi na semana passada (só que não! Foi no início do mês) que estive na apresentação do Cozinha com Twist, o novo programa de Filipa Gomes, no 24Kitchen. Não sou spoiler, mas digo-vos que vai valer bem a pena ver hoje a Filipa Gomes num novo formato e cenário diferente, com muitas novidades. É às 21h00!




Neste programa vamos aprender a confecionar pratos portugueses e internacionais simples, sempre com um twist, mesmo ao estilo da Filipa Gomes. A estreia é hoje, mas vai colar-nos ao ecrã de segunda a sexta-feira sempre à mesma hora. E não há desculpas, que  agora até os subscritores do pacote básico da MEO podem ver. Só boas novidades!


O que é que eu posso dizer-vos em jeito de curiosidade? Duas coisas: 1) São três receitas por programa. 2) Cada programa tem um tema, que a criatividade da Filipa é muita. Isso mantém-se. Quanto ao resto, tudo tem um... twist!




Beijinhos e boas receitas!
Ana



Da Nossa Cozinha

20 de julho de 2017

Festival do Caldo de Peixe # Todos para os Açores, já!

Ando com os Açores debaixo de olho. Andamos a sorrir mutuamente, num jogo que eu sei como vai acabar... No meio deste namoro deparo-me com uma iniciativa, que é de louvar, em Rabo de Peixe. Não sei se sabem, mas Rabo de Peixe é uma vila pertencente ao concelho de Ribeira Grande, na ilha de S. Miguel, e está entre os sítios mais pobres da Europa. A primeira vez que ouvi falar nesta localidade foi precisamente por este motivo, há muitos anos, por ter sido alvo de um estudo sociológico.


E recentemente descobri que se realiza lá o Festival do Caldo de Peixe pelo quinto ano. A mais recente edição decorre entre 21 e 23 de julho no Porto de Pescas da vila e aqui é possível experimentar várias versões de caldos de peixe – uma especialidade regional que traduz, em sabor, a alma de uma comunidade que vive da atividade piscatória – e ainda participar em várias iniciativas paralelas.



Todos os motivos são bons para ir, mas o principal é que o lucro das vendas dos caldos de peixe reverte inteiramente para o apoio do serviço educativo das crianças de Rabo de Peixe. Quem puder e estiver pelos Açores faça-me um favor e vá beber um Caldo de Peixe (quem for amiguinho até bebe um por mim!), que o objetivo é ultrapassar os 5 mil caldos (estou a ir um pouco mais além da própria organização).


(Não consigo ler o nome do músico Lou Bega e não começar a cantar o seu Mambo No. 5!)

E que saiam muitos, muitos, muitos Caldos de Peixe em Rabo de Peixe!
Ana


Da Nossa Cozinha