17 de junho de 2013

YES, WE CAN! Molotof

Missão: Eliminar claras congeladas (e desocupar o congelador).
Missão Impossível: Molotof. Nã, nã... Missão possível!
Molotof? YES, WE CAN!



Caixas e mais caixinhas, mais precisamente 13 claras, que passaram do congelador para o frigorífico à noite para aí descongelarem e que no dia seguinte foram transformadas neste belo Molotof.

Estive a ver que possíveis usos podia dar a estas claras até que fui convencida por esta receita da Ratolinha, que adaptei à minha quantidade de claras, e pelas suas palavras: «Basta seguir a receita que fica bem». Check! Faço minhas as suas palavras!



Molotof

Ingredientes:

13 claras
13 colheres de sopa de açúcar
4 colheres de sopa de caramelo líquido (usei de compra)
Margarina q.b.
  
Preparação:

Untar uma forma com buraco com caramelo ou margarina (usei a 2.ª opção). Reservar.

Ligar o forno a 180º C.

Ferver água e verter para um tabuleiro, onde irá ser cozido o Molotof em banho-maria, e colocar no forno.

Bater as claras em castelo bem firme.

Ir adicionando aos poucos o açúcar e continuar sempre a bater (eu juntei o açúcar todo de uma vez) e continuar a bater.

Por fim, juntar caramelo líquido a gosto (adicionei 4 colheres de sopa) e bater mais um pouco.

Atenção a esta parte: Colocar na forma untada este preparado usando uma colher, tendo o cuidado de ir alisando para não formar bolhas de ar.

Pôr a forma no forno dentro do tabuleiro com água para cozer em banho-maria.

Atenção também a esta parte: deixar cozer um minuto por cada clara de ovo usada. Neste caso, 13 minutos.

A chave do sucesso para o Molotof não abater: Ao fim desse tempo, desligar o forno e abrir ligeiramente a porta. Segui o conselho da Ratolinha e coloquei uma rolha de cortiça para a porta não fechar. Retirar o Molotof só quando o forno estiver quase frio. Deixar esfriá-lo completamente para desenformá-lo.


À saída do forno...



... E acabado de desenformar!

Pode-se servir com caramelo ou doce de ovos. Cá em casa foi assim mesmo, simples. E que bom que estava!


Esta receita é espectacular e pode ser adaptada às claras que temos disponíveis. Se tivermos 6, serão 6 colheres de sopa de açúcar, adapta-se a quantidade de caramelo líquido e coze 6 minutos. Há lá melhor do que isto?!
  
Desculpem, não estamos a conseguir parar de comer... Mas há para todos! Boa semana!



A Cozinheira

Da Nossa Cozinha

11 comentários:

  1. Olá Mena!
    Que maravilha o teu Molotof. O caramelo de compra deu-lhe uma textura homogénea de cor, essa fatia deixou-me gulosa e com vontade de experimentar.
    Beijinhos grandes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Rosa!
      Este Molotof não foi feito pela Mena - poderia ter sido, sem dúvida -, mas por mim.
      Sirva-se, que está uma maravilha!
      Um beijinho,
      Ana

      Eliminar
  2. Nunca experimentei fazer, mas acho qeu este está lindo

    ResponderEliminar
  3. Boa Tarde Ana
    Claro que gostei... é sempre maravilhoso ver outras pessoas inspirarem-se nas minhas receitas.

    Não conhecia o seu blogue... mas agora já fiquei a conhecer e já fiquei seguidora :)
    Fico muito contente por ter gostado do molotof. Eu adoro esse doce, adoro!
    beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Ficou perfeito!! Com uma textura e cor maravilhosos, faço ideia o sabor... :P
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Ficou lindo e perfeito. Apetece mesmo uma fatia. :)

    ResponderEliminar
  6. Adorooooo!! Simplesmente adoro! E olha, eu ja tentei fazer e tu nem imaginas como ficou!
    Nao conhecia este truque do tabuleiro com água!! E para ser o meu pecado preferido, so lhe faltava o doce de ovos!!
    Já comia uma fatia, ou duas!! Nhamm!!
    Beijinhos minha querida!

    ResponderEliminar

Olá!
Obrigada por visitar-nos e pelo comentário. :)
Da Nossa Cozinha leve também um abraço!
A Cozinheira e O Cozinheiro