14 de maio de 2014

Viv'ó Mexilhão!

Venho partilhar convosco um pequeno prazer gastronómico para lá de fácil de fazer, que me acompanha desde tenra idade: mexilhão.

No concelho de Mafra há a tradição de na Sexta-Feira Santa ir apanhar mexilhão nas praias da Ericeira - acreditem, mobiliza famílias. Por isso, neste dia é hábito na minha família fazer-se um piquenique. Infelizmente, o tempo nos últimos anos tem-nos trocado as voltas pelo que o piquenique acaba por realizar-se na nossa casa, mas sempre com mexilhão!

É um petisco económico, que não demora nada a preparar e é óptimo no Verão. E não precisam de ir apanhá-lo, os hipermercados vendem, como o Continente.





Mexilhão

Ingredientes:

- 1 kg de mexilhão fresco
- Sumo de 1 limão

Preparação:

Lavar o mexilhão e retirar-lhe as "barbas" das cascas, como mostra a minha mãezinha. :)




Colocar dentro dum tacho, com tampa, em lume alto - sem água, sem sal, nada. De vez em quando mexer.



Retirar do lume quando o mexilhão já estiver aberto.
Atenção: se algum não abrir, não consumir, quer dizer que não é fresco.




Verter para o prato de ir à mesa, regar com sumo de limão e servir de imediato.





Depois é cada um eliminar as "barbas" que os mexilhões têm no seu interior e saborear.

Sobre o mexilhão:
Informação retirada do site da Nestlé (ver mais aqui)

Informação nutricional:
 
O mexilhão destaca-se pelas suas proteínas de elevada qualidade, no entanto, inferior à do resto dos moluscos. O teor de gordura é reduzido (inferior a %) o que faz com o que tenha um baixo valor calórico.
Do seu teor em minerais, o mais abundante é o iodo, embora também seja uma fonte razoável de ferro e cálcio. As vitaminas são predominantemente do grupo B, destacando-se o ácido fólico.

Vantagens e desvantagens:
É ideal para pessoas que pretendem perder peso, porque é pouco calórico e tem pouca gordura.
Tal como a maioria dos mariscos, o mexilhão é um potencial alergénio, podendo ser perigoso quando consumido por pessoas susceptíveis às alergias.
Pela sua riqueza em ferro, é um excelente substituto da carne.
O seu consumo deve ser moderado em pessoas que sofrem de problemas cardiovasculares, excesso de colesterol ou hipertensão arterial, devido ao seu teor em sódio.

Bom apetite!


A Cozinheira

Da Nossa Cozinha
Facebook | Instagram

4 comentários:

  1. Gosto muito de mexilhões, quando vou a praia sempre faço, ou peço no restaurante, pois la são fresquinhos. Acompanhados de uma cervejinha gelada é muito bom. Adorei saber mais sobre eles. Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Fantástica essa tradição e só é pena o piquenique não poder ser sempre feito como manda a tradição e ao ar livre.
    Eu adoro mexilhão e sei de muita gente que não gosta e não consigo entender porquê, pois acho-o mesmo excelente.
    Beijinhos,
    Lia.

    ResponderEliminar
  3. Olá ! mulher abençoada...

    vim deixar meu carinho....
    seus mimos são lindos.
    te seguindo, me aprova vai....
    para sempre estar aqui.
    neste espaço criativo....

    boa semana.....cheia de alegrias....

    BEIJOS !!!

    ResponderEliminar
  4. O maridinho não gosta nada desta coisas, já eu adoro!Beijinhos

    ResponderEliminar

Olá!
Obrigada por visitar-nos e pelo comentário. :)
Da Nossa Cozinha leve também um abraço!
A Cozinheira e O Cozinheiro