25 de setembro de 2016

Bacalhau fresco no forno com azeite biológico e alcaparras com puré da avó e bróculos

Desafio aceite, Iglo Portugal! Aqui estamos depois de termos conhecido hoje um novo produto desta marca, a Tranche Inteira de Bacalhau Fresco. Vamos diretos ao assunto, que às vezes as imagens valem por muitas palavras.
 
 
 

 
O nosso almoço hoje foi Bacalhau fresco no forno com azeite biológico e alcaparras acompanhado por puré de batata da avó e bróculos ao vapor.
 

 
Ingredientes:
 
Para o bacalhau:
1 Tranche Inteira de Bacalhau Fresco Iglo [descongelada previamente]
Sumo de meio limão
Sal marinho q.b.
6 alhos descascados e picadinhos
6 colheres de sopa de azeite biológico [usei Azeite de Moura]
2 colheres de sopa de alcaparras
 
Para o puré de batata da avó:
800 g de batatas descascadas e cortadas
Sal marinho q.b.
2 colheres de sopa generosas de manteiga
Leite meio-gordo bastante quente, acabado de ferver q.b.
1 gema de ovo
 
Para os bróculos a vapor:
300 g de bróculos
 

Preparação:
 
Bacalhau:

Começar por temperar a tranche de bacalhau com sal e o sumo de limão e reservar 30 minutos.


Quando estiver prestes a fazer a meia hora, ligar o forno a 190º C, para aquecer.

Colocar o bacalhau no pirex que se pretende levar ao forno, eliminando o líquido da marinada. Reservar.

Numa pequena frigideira antiaderente colocar o azeite e os alhos bem picados em lume médio até alourar ligeiramente. Retirar do lume e juntar as alcaparras e envolver. Verter cuidadosamente por cima da tranche de bacalhau e levar ao forno cerca de 30 minutos.


Tranche de Bacalhau Fresco prestes a entrar no forno pré-aquecido a 190º C.

 
Puré de batata da avó:

Nota: Quando se inicia o puré de batata temos de o fazer de seguida e até ao fim, já que para ficar bom tem de estar tudo bem quente.

Levar as batatas ao lume com água e sal em lume alto e deixá-las cozer bem.
 
Na reta final das batatas colocar num outro recipiente o leite ao lume até ferver. Reservar.
 
Depois de cozidas escorrer bem a água e colocar parte das batatas no passe-vite e transformá-las em puré. Continuar até passar todas as batatas.
 
Juntar a manteiga ao puré de batata e mexer bem com uma colher de pau (a manteiga vai-se envolvendo, devido ao calor do puré). Se ficar um pouco para derreter, não tem problema, porque vamos juntar agora um pouco do leite fervido, bem quente, que vai tratar disso e dar a consistência que se pretende ao puré de batata. Mexer bem e juntar mais leite, se necessário. Quando se atinge a consistência desejada, prova-se para ver se é necessário retificar tempero [aqui pode-se juntar noz moscada, por exemplo, mas o nosso foi assim simples, como a avó gosta], e quando está no ponto junta-se uma gema de ovo e mexe-se muito bem. Está pronto a servir.
 

Bróculos ao vapor:

Podíamos ter recorrido a tachos, mas usámos a Bimby para cozer os bróculos ao vapor. 1000 g de água no copo, os bróculos na Varoma e temperatura Varoma / 20 minutos / Vel 1.
 
 


O almoço conquistou todos aqui em casa, o que é excelente! Provar um alimento novo - o nosso pequeno crescido de 5 anos nunca tinha comido bacalhau fresco - e gostar à primeira diz muito. E o facto de o bacalhau ser pescado em alto mar e congelado em excelentes condições garante qualidade no prato. Aqui em casa andamos cada vez mais atentos.

Boa semana!


Da Nossa Cozinha


Sem comentários:

Enviar um comentário

Olá!
Obrigada por visitar-nos e pelo comentário. :)
Da Nossa Cozinha leve também um abraço!
A Cozinheira e O Cozinheiro