11 de outubro de 2018

Da nossa cozinha até... Coimbra! #Paragem para almoçar e o hotel

Há uma semana, por esta hora, estava com um "nervoso miudinho" de excitação, como uma criança pequena. Sim, estávamos prestes a ter a nossa primeira escapadinha a quatro! Coimbra foi o destino. 

Saímos de casa na sexta-feira a meio da manhã e decidimos parar para almoçar em Peniche. Fomos ao Sardinha, onde fomos muito bem atendidos. Ainda tivemos de esperar um pouco, que isto de escolher o restaurante na hora, ainda por cima num feriado só podia dar nisto... Mas valeu a pena. O registo fotográfico foi só dos pratos principais, que o baby entretanto começou a ficar impaciente. Comemos muito bem!




Seguimos viagem diretos até à cidade dos estudantes, mais precisamente até ao Vila Galé Coimbra. É um quatro estrelas muito bem localizado perto do centro histórico e com vista sobre o Rio Mondego. Gostamos bastante de aqui ficar! Ficamos surpreendidos com o facto de vermos muitas famílias, mas também grupos de turistas e mais ainda por o resultado desta equação ser tranquilidade e descanso, que era o que precisávamos. É a prova viva de que um hotel family-friendly não tem crianças a correr e a gritar. #familyfriendlyhotelsforever





Optamos por ficar numa suite júnior, bem simpática e confortável, por sinal. Sou a única a adorar as almofadas de hotel? Aquelas grandes podiam vir morar cá para casa!

Bem, ainda sobre o hotel deixo-vos mais algumas fotos.















Três breves apontamentos:

1) Pequeno-almoço inglês, ovos mexidos e panquecas feitas na hora.
2) Mini-croissants simples excelentes, a levar-nos até Paris na primeira dentada.
3) Comi a minha primeira rabanada deste ano (à esquerda ao lado dos croissants) - as rabanadas não têm à partida um ar tão tentador quanto uma panqueca com nutella, mas não se deixem enganar...

Ainda fomos um bocadinho à piscina exterior (o hotel também tem interior, vejam mais fotos e info aqui) e soube muito bem! Despedimo-nos do verão 2018 da melhor maneira. 

Falta ainda contar-vos as nossas experiências gastronómicas divinais (e aqui contámos com as dicas preciosas da Joana Roque) e a loucura que foi o Portugal dos Pequenitos (eu passei a minha vida toda a dizer Portugal dos Pequeninos!) para miúdos e graúdos! Mas isso fica para outro post.

Um beijinho coimbrense,
Ana 


Da Nossa Cozinha


28 de setembro de 2018

Churrasco # Molho para acompanhar

Estamos oficialmente no outono, mas o verão ainda não teve vontade de se ir embora. Há uma doçura na luz destes dias de transição - para além do calor - que me agrada e que tento aproveitar ao máximo.

Aproveito, por exemplo, para usar e abusar da churrasqueira ou do grelhador elétrico. Qualquer um serve, que eu não sou esquisita (mas, pensando bem, com o bebé temos usado mais o segundo...). Bom, resumindo, eu adoro um bom churrasco e não sou a única da família.

E churrasco sem salsicha não é churrasco, pelo menos cá em casa! Estas são da Primor, que tem também a versão picante. Qualquer uma delas são boas e com o molho que se segue, então...



Molho de lima

Ingredientes:

1 iogurte grego natural 
1 salsicha de churrasco picante da Primor grelhada e cortada às rodelas
Raspa de 1 lima
Sumo de 1/2 lima



Preparação:

Colocar todos os ingredientes num recipiente e triturar com a varinha mágica até o molho estar homogéneo. Retificar o tempero, se necessário, com sal fino e/ou pimenta moída a gosto.
Pode ser servido imediatamente, mas, se tiverem tempo, levem-no a refrescar 30 minutos no frigorífico.





Churrascamos? 
Ana

Da Nossa Cozinha

20 de agosto de 2018

Gelado caseiro em 5 passos

Se antes via o canal 24Kitchen, agora vejo ainda mais. No mês passado tive a felicidade de deparar-me com uns episódios deliciosos de "Marry Berry's Foolproof cooking". Deliciosos por vários motivos: pela própria Marry Berry, pela sua experiência e idade, pelo seu humor fino e, claro, pelas suas receitas. 

E o que me encheu o olho no episódio 4? Um gelado caseiro, fácil, fácil. Pensei: "Eu tenho de fazer isto!" E fiz mesmo.




Assim, contado num ápice:

1. Bate-se 600 ml de natas com a batedeira elétrica até formar uns picos. 
2. Depois junta-se uma lata pequena de leite condensado e envolve-se com a ajuda de um raspa Salazar.
3. A este preparado pode-se adicionar pepitas de chocolate, frutos secos, frutos vermelhos... Eu juntei 200 g de chocolate com avelãs inteiras em pedaços pequenos (usei a Bimby para isso).
4. Verter para uma forma de bolo inglês forrada com película aderente e levar ao congelador durante 6 horas ou a noite toda (este foi de um dia para o outro).
5. Desenformar e pode-se enfeitar a gosto (passei este último passo).



É DE BA-BAR!




Com este calor há algo melhor para ter em casa?
Deliciem-se!
Ana

Da Nossa Cozinha

14 de agosto de 2018

Querido, podes comprar cá para casa #1

Estar mais por casa [o motivo é este] dá nisto... Querer gastar dinheiro investir em utensílios para a cozinha! Mas tem tudo uma explicação:

1) No verão apetece comer mais saladas. E, como estou cá com umas ideias, gostava mesmo de ter este cortador de legumes (querido, a cor é indiferente):

Borner V5 (preço aqui).


2) A nossa tábua precisa de ser substituída:

Tábua de cortar LEGITIM da IKEA (preço aqui).


3) Anda aí um "sururu" no Instagram a dizer-se maravilhas destas caixas, que conservam a frescura dos vegetais mais tempo. E isto do desperdício dá que pensar... 


Tupperware Ventsmart 4.4l (preço aqui).


4) Vá, esta é a última coisa que peço. Aparece em vários programas do 24Kitchen e embora eu não tenha qualquer pretensão a Chef acho que não nos fazia mal ter um em casa. Prometo que já tenho pelo menos duas receitas para utilizá-lo:

Termómetro digital PRESTO (compra-se aqui).


E, sim, respondendo à pergunta que me fazes sempre: tenho lugar para arrumar tudo! ;)

Beijos,
Ana

Da Nossa Cozinha

23 de março de 2018

Bolo de maçã rico em fibras

A vida dá muitas voltas e por aqui foram muitas desde o último post... Já estou para vir ter convosco há bastante tempo, mas, por um motivo ou por outro (daqueles fortes), tem sido adiado. 

Até que hoje, num dia frio e chuvoso de primavera, trago-vos um dos últimos bolos-sensação cá de casa. A receita foi-me dada por uma amiga "bimbólica", a Paula, e garanto-vos que vão adorar. A massa deste bolo é feita na Bimby, mas podem utilizar um processador. Digamos que o vosso maior trabalho será descascar e cortar 3 maçãs aos quadradinhos. Convenci-vos? 





Bolo de maçã 

Ingredientes: 
3 maçãs
2 chávenas* de açúcar
3 ovos
2/3 chávena** de óleo
2 chávenas de farinha
1 colher de chá de fermento


* 1 chávena = 1 cup = 240 ml
** 1/3 de chávena (ou cup) = 80 ml


Com esta receita usei pela primeira vez as minhas taças medidoras - estou fã!

Preparação:

Forrar o fundo (amovível) de uma forma redonda com papel vegetal e reservar.

Lavar e descascar 3 maçãs (4 se forem para o pequenas): guardar as cascas à parte e cortar as maçãs em quadradinhos. Reservar.

Colocar no copo da Bimby o açúcar, os ovos o óleo e as cascas das maçãs e programar 5 seg/vel 10.

Introduzir a borboleta, juntar a farinha e o fermento e programar 30 seg/vel 3. 

Verter a massa para a forma, colocar a maçã por cima e levar ao forno a 190º C durante 35-40 minutos (fazer o teste do palito).





Um beijinho!
Ana

Da Nossa Cozinha